BEM VINDOS

Quem quiser continua visualizando meus trabalhos visitem: https://www.facebook.com/escolamariaodete.carneirosoares

25 de nov de 2009

FALANDO EM MEIO AMBIENTE...


Tucuruí e o Meio Ambiente

A Campanha Todos Contra o Lixo, promovida pela Prefeitura de Tucuruí através das Secretarias de Meio Ambiente e Obras , foi lançada dia 23/01/2009 em solenidade no Auditório do Centro de Convenções de Tucuruí. Com vários Secretários Municipais, representantes de entidades e funcionários da Secretaria de Meio Ambiente. Acreditamos que os secretários e o prefeito tem realmente vontade de resolver os problemas ambientais em Tucuruí, o problema é que esta tarefa é muito difícil, diríamos que é praticamente impossível, embora torcemos para que tenham êxito. Vejam as razões para o nosso ceticismo:

Construções ilegais

Temos muitos e graves problemas ambientais em Tucuruí, alguns relativamente fáceis de serem resolvidos e outros bem mais difíceis devido aos grandes interesses econômicos, políticos e a falta de vontade política dos gestores públicos. Grandes empresários locais constroem dentro do igarapé e em cima do igarapé sem serem incomodados, causando a diminuição da vazão das águas e causando enchentes e muitos prejuízos. O grande problema é que estes empresários são financiadores de campanha dos políticos locais, desta forma se tornam "intocáveis" no sentido de impunidade. As construções estão no centro da cidade e a menos de 400 metros da sede da Prefeitura e do gabinete do prefeito. Para piorar ainda mais, vários lava-jatos estão nas margens dos igarapés e poluem as águas com óleo e todo tipo de sujeira .

Extração ilegal de barro, areia e pedra

Empresários de materiais de construção retiram para comercializar, areia das praias, barro e pedra do Rio Tocantins, destruindo a vegetação ciliar, os barrancos nas margens e as ilhas, desta forma assoreando o leito do rio sujando suas águas e aumentando a erosão que ameaça ruas e construções. Também estes são financiadores de campanhas eleitorais.

Coleta deficiente de lixo, falta de fiscalização e consciência ambiental

Ao somarmos a coleta deficiente do lixo, a falta de fiscalização e autuação (multa e ação penal) dos populares que jogam lixo nos igarapés, nas ruas e logradouros públicos e a falta de consciência ambiental por parte de uma parcela da população, temos a razão de termos nossas ruas, logradouros e igarapés sujos e poluídos.

Enfim, este estado de coisas seria relativamente simples de ser resolvido ou pelo menos reduzido ao mínimo caso houvesse: VONTADE POLÍTICA, COMPROMISSO SOCIAL, FISCALIZAÇÃO E PUNIÇÃO. Torcemos para que no futuro possamos ter motivos para fazer matérias sobre a mudança de postura do poder público e divulgar as ações das autoridades no sentido de combater os crimes ambientais e mostrando os resultados.

Se isso acontecer (Deus ajude que aconteça), vamos divulgar o bom trabalho do gestor e de graça .

veja em:


Folha de Tucuruí,

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja Bem-vindo (a)

Podemos ser imortais!!!



Nossas ideias, nossas atitudes, nossa maneira de pensar e agir... passam a fazer parte daqules que aprendem conosco. E de uma certa forma eles são um pouco de nós.





É essencial para nossa vida repassar nossos "saberes"





É UMA MISSÃO.







Leila